Skip to content

Mecanismos de Defesa

16 de agosto de 2012

Hoje estava conversando com uma amiga e chegamos no papo de bullying e mecanismos de defesa (coping mechanisms) que acabamos desenvolvendo para lidar com a vida durante os anos escolares.

Aí falamos que a arte acaba abrigando esses seres rejeitados pela socidade. Seja pela aparência, seja por complexos de inferioridade, seja por um lar desajustado. A arte comporta todo mundo, sem distinção.

No caso dela, ela tinha a música. Eu, que nunca aprendi a tocar um instrumento, fiz teatro (acho que ela também fez), escrevi (ela também), li horrores (ela, idem). Histórias parecidas em continentes diferentes. Nem tão incomum assim.

O fato é que nunca recorri a drogas ilícitas, nunca fumei e não curto me embriagar.

Vejo pessoas ficarem chocadas quando descobrem histórias de abusos sofridas por celebridades (tipo a Xuxa).

A busca por uma realidade alternativa, por um papel diferente, é quase uma questão de sobrevivência em muitos casos. Não precisa cavar muito, não.

As emoções expostas por um músico em um concerto, por um ator no palco, um escritor num livro, um artista num papel são lembranças vivas de experiências passadas. Vai saber o que houve?

Nunca tinha parado para pensar nisso mas, na verdade, durante o meu segundo grau  produzi mais textos (contos, poesias) do que em qualquer outro momento da minha vida.

A arte é uma válvula de escape. E, eu diria, bastante saudável.

Anúncios
One Comment leave one →
  1. 24 de agosto de 2012 23:35

    É verdade.. na época escolar o pessoal me achava esquisito e eu quase não tinha amigos. eu acabei me afundando em livros, filmes e dps fui pra música..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: